terça-feira, 31 de agosto de 2010

Mexilhões em Tomate



Esta noite marreei uns belos mexilhões acompanhados de vinho branco navegante. Ai não! João Santos esta é para ti que dizes que só faço cozinha internacional, foi-gras tras na mão!

Ingredientes:

1Kg mexilhões
1 tomate grande
1/2 cebola
3 dentes de alho
3 c. sopa vinho
Azeite Virgem qb
Sal qb
Pimenta qb

Coentros qb

Começar por lavar muito bem os mexilhões e retirar todas as "barbas".
Num tacho ou wok, colocar a refogar em azeite, a cebola e o tomate, colocando só depois o alho para não queimar. De seguida refrescar com o vinho e adicionar os mexilhões. Temperar de sal, pimenta e salsa. Tapar e deixar cozinhar até que estes abram.
Dispor numa travessa ou prato de servir e regar com o molho de tomate. Ou numa frigideira como o primo jaquim...
Recomendo que tenham qualquer tipo de pão para poderem aproveitar e molhar na calda que fica muito saborosa!

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

As coisas dificeis mais parvas do mundo!


Entrando quase no mês de Setembro, dou comigo a pensar em coisas tão futeis como um chupa chups. Se as minis são boas, nesta temporada passada diminui o consumo e aumentei os minutos de sono quando me permitem fazer sestas à espanhola, até agora contabilizei 3 sestas neste Verão, o que dá cerca de 4 horas e meia, menos 13 minis. Ha coisas parvas na vida e há coisas parvas dificeis de concretizar que me apeteceu postar aqui como:

1- Abrir um chupa-chups sem ajuda dos dentes, ou pior, aqueles do LIDL sem ajuda de uma rebarbadora.
2- Acordar de manhã e na hora do xixi manter a trajectoria certa de modos que acerte na sanita sem bater nos lados, muito dificil.
3- Ouvir a Júlia Pinheiro 3 minutos sem indícios de náuseas, ou o Goucha (esse 5 minutos ainda aguento)
4- Rir das piadas do Malato sem pensar nas fotos de Madrid, não consigo
5- Ver o Benfica e não roer as unhas. Eu faço tudo pelo Benfica.
6- Cortar as unhas dos pés com a mão esquerda sem que isso não me provoque tonturas e flatulências.
7- Ir ao MacDrive comprar um BigMac e não comer pelo menos duas ou tres batatas fritas, muito complicado e se há semaforos pior é o sacrificio.
8- Ter coragem de dizer à pessoa que estamos a falar, que tem um macaco com pernas e tudo na ponta do nariz.
9- Comer paio alentejano, persunto e queijo de ovelha sem pensar em vinho tinto.
10- Falar da crise e do casamento gay sem falar do Sócrates.

domingo, 22 de agosto de 2010

Abre a Caça a Rola



Para os caçadores e aficionados das rolas e das rolinhas, abre hoje a caça oficial, se bem que muitas rolas por ai andam "à voa" e à toa, já há muito que foram caçadas e fugiram de seus poleiros.

Venham lá amigos caçadores não dêem muitos tiros, pois o cartuxo ta caro e de modos que quanto mais atiram menos apontaria têm.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Arrancam hoje a festas de Corte do Pinto 2010

Festas de N.ª Sr.ª da Conceição em Corte do Pinto

A freguesia de Corte do Pinto, no concelho de Mértola, vai estar em festa até domingo, 15, com as tradicionais celebrações em honra de Nossa Senhora da Conceição.
   As festividades arrancaram na quinta-feira, 12 Com destaque para o Baile com Alvaro Fabião e actuação do Grupo Coral da Mina de S. Domingos, na sexta os "Chave D´Ouro" procuram o pai da criança na corte do Pinto seguido de baile com Nuno Ropio, e este sábado, 14 tem lugar a actuação da artista JOANA e baile com Ricardo Jacinto.
As festas em Corte do Pinto terminam domingo, 15, tem lugar a procissão às 18 horas  e a música de Trio Setúbal (22h00) e Grupo Charneca (23h00).



segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Olho cabrão do calor!

Mais maluqueira, menos maluqueira, com tanto calor um gajo anda cá mais parvo das ideias que uma carocha de patas para o ar. Certo que anda o mundo atordoado e se não fossem as ventoinhas dos marroquinos e os ares acondicionados, estávamos tão esturricados que um assador de sardinhas num restaurante em Monte Gordo. Mais do que isso, até os velhos tão mais parvos e corajosos, por exemplo: antes de ontem um homem com uns setenta anos numa camionete do peixe apitava constantemente atrás de mim, pelos vistos tive a má sorte de andar em Mértola com o mesmo destino dele, olhei pelo espelho e lá estava um calmeirão com um bigode enorme que nem um tigre da Malásia, mas não encostei: Era o que faltava, a ver se ele se acalma mas é!, Continuava aos apitos, parecia que ia numa emergência cega de chegar a casa ou com vontade de ir mijar, ora bem, na bomba de gasolina parei e azar dos azares la estava o individuo todo encarnado e inchado, com uma boina cinzenta, tinha mais pêlos nos braços que as escovas de uma maquina de lavar carros e gritando comigo: "Tós Parvooo??? Sai-mi da frênti!" Percebi que o homem estava com pressa e desesperado, até os cantos da boca espumavam, até que deixei-o passar de vez, três dias passados não sei se o homem estava todo borrado e tinha que ir mudar as cuecas ou é o calor que anda deixando agente aparvalhados.

domingo, 8 de agosto de 2010

sábado, 7 de agosto de 2010

Hoje é dia de Benfica-Porto

Arranca a época oficial com um jogo a pedir minis e camarão. Hoje é dia de só bola, até elas estão com o Benfica também!

Adenda: Apesar da derrota do Slbê, gostei por uns breves segundos o sorriso do João Moutinho "Ganhei ao Benfica, Ganhei ao Benfica!"

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Vitela com laranja e especiarias


Comer muita comida desta, além de ter efeitos extremamente afrodisíacos podes dar contigo a vender ventoinhas e lanternas nos cafés.

Ingredientes para 2 pessoas

- 300 g de carne de vitela (ou de novilho) para guisar, cortada em cubos médios
- 2 laranjas
- 3 dentes de alho esmagados
- 2 colheres (sopa) de azeite
- 1 colher (sopa) de salsa picada
- 1 colher (café) de sementes de cominhos
- 1 colher (chá) de açafrão
- Canela e piri-piri q.b
- 4-5 grãos de pimenta da Jamaica inteiros
- sal & pimenta moída no momento
- caldo de carne q.b.
- Legumes para refogar para juntar ao couscous (um tomate pequeno, courgette e cenoura)

Preparação

Descascar uma laranja, removendo todos as partes brancas amargas; cortar a laranja em meias-luas. Espremer o sumo da laranja restante. Reservar.

Aquecer o azeite num tacho. Juntar os cubos de carne e os alhos esmagados. Deixar saltear até a carne ficar bem dourada de todos os lados, mexendo de vez em quando.
Adicionar as meias-luas de laranja e regar com o sumo. Temperar com sal, pimenta, o açafrão, os cominhos e os grãos de pimenta da Jamaica. Envolver e cobrir com uma tampa. Baixar o lume. Cozinhar por 10 minutos.
Juntar um pouco de caldo e cobrir com a tampa. Cozinhar em lume brando até a carne ficar bem tenra e cozida (+/- 2 horas, dependendo da carne), juntando pequenas quantidades de caldo durante a cozedura para o molho não secar. Rectificar os temperos.

Retirar o tacho do lume e polvilhar com a salsa picada. Servir de seguida, acompanhando com couscous (a preparação do couscous é fácil, basta ler as instruções na embalagem) e os legumes previamente salteados numa frigideira.

Para acompanhar esta iguaria, um belo rosé gelado. Uma sugestão é utilizar borrego em vez de vitela.

Com o seu molho aromático bem apurado, este exótico prato de vitela de inspiração marroquina fica delicioso... Por momentos viajamos até ao Norte de África depois deste repasto bem condimentado.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Arranca dia 4 de Agosto a (meia) Volta a Portugal



Nos Estados Unidos há que pense que Portugal é uma região espanhola, a avaliar pelo mapa da nova volta a Portugal, os europeus pensarão que o Alentejo e Algarve são colónias portuguesas.




Aos organizadores da volta e meia a Portugal: tomem lá um manguito! levem lá a bicicleta que agente fica com o paio e o presunto.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Receita de Burritos Mexicanos

A minha primeira experiência com a comida mexicana não foi muito agradável, há uns anos conheci um amigo mexicano na minha turma de alemão, o Omar de Monterey, depois de alguns conhecimentos feitos com o meu novo camarada do outro lado do atlântico, desafiei-o a fazer algumas receitas , é que estava mesmo curioso, o que se passou foi um autentico desastre! Ele fez a comida tão picante que dois dias depois ainda tinha dificuldade em conduzir com o rabo no banco, suava que nem um cavalo depois de ter bebido umas seis cervejas seguidas, horrivel.

Mas nunca perdi a vontade de experimentar a famosa cozinha mexicana, basta ter os ingredientes próprios, eu pessoalmente faço com tudo o que tenho em casa, mas hoje em dia qualquer superfície comercial vende tortillas e tacos, e os seus molhos que são muito gostosos, vale a pena comprar as tortilhas mais caras, são deliciosas e num jantar a dois ou com amigos é sucesso garantido. A receita de hoje são os burritos, carne picada bem condimentada enrolada por tortilhas de trigo. Já se compra o kit com tudo, depois é só juntar a carne picada como vou explicar à continuação.

1- Alourar (em azeite) 450g de Carne Picada numa frigideira.
2 - Adiciona o tempero para Burritos e um copo de água.
3- Aqueçe as tortilhas. No Forno: Pré-aquece a 180 Cº (Embrulhado em papel de alumínio) 15 Minutos, ou no Micro-Ondas: 1 Minuto, tambe pode ser na frigideira: Alguns segundos em cada lado até dourar.
4- Preencha as tortillas com a carne moída e acrescenta alface, tomate e queijo ralado ou molho de quijo. (boa sugestão, juntar milho cozido)
5- Cobre tudo com o molho original e dobra as tortilhas desta maneira.

 Acompanhamento em belo, um vinho tinto suave de Reguengos ou uma cerveja bem fresca mexicana Corona, bom apetite!

domingo, 1 de agosto de 2010

Justiça ridicula à moda do país que temos

O colectivo de juízes que está a julgar o processo Casa Pia decidiu hoje adiar de 5 de Agosto para 3 de Setembro

 

O processo Casa Pia é tão lento que um caracol é mais rápido que uma chita bem alimentada, e por fim ficam estas tristes figuras de uma justiça deprimente e moribunda..
 
Nunca vi processo tão vergonhoso e deprimente como o da "Casa Pia" entre alegações de abusos por parte de proeminentes figuras publicas do nosso pais, a justiça é ridícularizada e demorada. Uma palhaçada desconcertante, lenta que nem uma zundapeira quitada de sach lebre. Pensariam algumas pessoas conhecedoras do caso, o que aconteceria a uma funcionária de uma fabrica de sapatos na covilhã, se não fizesse a sua produção de 60 chinelos por dia, o que aconteceria se um maçarico de padeiro não amassasse  300 carcaças num turno? O que acontece aos procuradores e procuradoras, juizes e juizas que arrastam esta novela há 8 anos? Pois que jeito? É Portugal e mais nada.