sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Reveillon 2011 em Mertola e na Mina em particular



Prometo aos meus amigos e leitores deste blogue que vou usar cuecas hoje à noite, e de lycra como manda a regra,  quero começar o ano com um aperto, no sentido arcaico da palavra, comer as passas à meia noite, beber o espumante como manda a tradição e voltar ao trabalho como sempre. O ano 2011 vai ser o meu ano!

Um bom ano para todos e sejam felizes!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Em pré-Reveillon 2011...

Neste anuncio do Pingo Doce, onde o suposto senhor António de Melo Sousa e Silva repete o seu nome inúmeras vezes, é um exemplo perfeito como ver publicidade desta cadeia de supermercados, pode ser pior que cair em pelota em cima de urtigas.
Estive a resumir as costumes de Natal na minha mente deplorável, a história do consumismo nestes dias, dizem os mais poupados que se leva muito tempo nas grandes superficies comerciais a gastar, mas se pensarmos um pouco, há duas corridas aos supermercados, umas antes e outra definitiva no dia 26 de Dezembro a trocar as prendas, ou seja, dá mais trabalho, gera mais emprego é bom para a economia. Os chineses neste Natal ganharam claramente ao grupo Jeronimo Martins e ao Ti Belmiro, sejamos francos, os chineses não têm anuncios como o Pingo Doce, que ao fim do intrevalo da novela, visto 3 vezes podemos contrair alguma doença venérea ou cataratas. Depois deste "purgatório" do dia 26 até ao dia 31 de Dezembro, já começo a ter saudades da popota, esta personagem muito mal amada da televisão, tipo uma prostituta que se usa e abusa quando se quer, isso não se faz com a boneca. Agora é ir rapidamente às gambas e ao espumante barato comemorar o 2011, safa, ridiculo ou não apanhar uma camada sempre anima e esquece o 2010, menos mal, o Benfica foi campeão, menos bem, o Socrates ainda nos domina. 

Bom Pré Reveillon para todos!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Feliz Natal e muita Saúde!

Quem disse que os trenós não têm travão de mão?

Não tenho muito jeito para elogiar ninguém, mas o meu grande elogio hoje é para o Pai Natal, que mesmo só existindo para alguns Boys e algumas meninas, não deixa de ser um camarada meu e ainda por cima é do Beifica! Um velhote de coragem, porque hoje em dia quem se dá com criancinhas está sujeito a sair nos jornais e ir ao "Prós e Contras da RTP" uma vez por mês. O Pai natal existe em todos nós, assim como o Natal, o bacalhau e as filhoses..

Assim como o Pai Natal nunca desiste de dar prendas, não desisto de desejar sempre a todos, amigos e familiares, e agora aos visitantes deste blog o Feliz e Santo Natal!

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Proposta para a Consoada: Bacalhau no forno com Broa e Batata doce.

Pode faltar tudo numa mesa para a noite de 24 de Dezembro, mas o bacalhau nunca pode faltar. Eu era daqueles catraios que torciam o nariz quando o bacalhau cozido caia na mesa com couves gigantes e batatas cozidas a nadar em azeite. Há alternativas bem boas e gostosas para desfrutar na noite de Natal, e para tudo correr bem, não falem do Sócrates à mesa.

Ingredientes para 4 pessoas:
150 gramas de broa de milho, mas pode ser a olho de modo que cubra a travessa.
2 batatas
1 batata doce grandinha.
1 cebola média
1 pimento vermelho pequeno
4 ou 5 dentes de alho.
bacalhau (4 postas razoáveis) demolhado 48 horas antes.
Azeite q.b.
sal e pimenta.

Eu fiz com pimentos verdes eu sei, mas não havendo vermelhos... eu faço isto pela Benfica.

Corta as batatas e a batata doce aos cubos (raspa bem a batata doce, modos que fique com aquela côrzinha por fora violeta) joga depois com toda suavidade para dentro de uma frigideira com óleo bem quentinho. Junta a cebola cortada aos quartos e 3 ou 4 dentes de alho sem pela, apenas esmagados, mais o pimento cortado aos quadrados, colocar sal e pimenta quanto baste, atenção porque o bacahau já tem sal, por isso não abuses dele!. Não exagerar muito no azeite, apenas dar uma fritadela de módos que cozinhe a batata e não ficar crua, a batata doce coze mais depressa, assim que tudo apurado colocar numa travessa pirex ou barro à parte. Na mesma frigideira, com o azeite que restou ou colocar um pouco mais (conforme) fritar dos dois lados as postas de bacalhau apenas para dar uma corzinha dourada e realçar o gosto. Depois desfiar em lascas bem generosas, tirar as espinhas e colocar na travessa onde estão já as batatas. reduzir a broa em farinha, eu usei a maquina dos batidos ;-) na mesma frigideira do bacalhau, saltear 3 dentes de alhos cortados com azeite e juntar a broa esmigalhada e dourá-la, envolver a dita com muito amor até ficar douradinha. No final cobrir a travessa onde já está o bacalhau e as batatas com a broa e ir ao forno durante 20 minutos, até a cobertura da broa estar estaladiça e apetitosa.


Acompanhar com vinho branco leve. Do Lidl por causa das loucuras, vinho branco ainda com o IVA de 2010 pois claro.

Dá um aperto na foto para veres o pormenor da coisa.


Bom Natal!

domingo, 19 de dezembro de 2010

Solidariedade no Natal fica sempre bem...


No Natal os nossos corações ficam mais brandinhos e moles que nem uns medronhos maduros. Agora que o frio aperta e passamos mais tempo que costume a ver televisão, meio de comunicação que passa constantemente programas de Natal pautados por um carisma fraterno e solidário.. nos ditos, socialités e peixe graúdo jantam belos repastos no casino de Estoril ou em grandes salões gourmet, dizem-se essas galas, que servem para dar a cara pela pobreza... como? Muito fácil, ir a grandes jantares e galas de "beneficiencia", entrevistadas as senhoras todas aperaltadas como manda a lei, dizem, "eu estou sempre disponível para defender esta causa" mas qual causa? Ir ao jantar de gala e comer e beber bem, passear o seu novo vestido para sair na flash e aparecer na Sic? Onde com alguma esperteza descobrimos que têm mais celulite nas nalgas que uma clementina bem madura. Que causa? a causa do estômago ou de mostrar o maior decote de Natal? Fiquei a perceber minutos depois que a causa é angariar alguns fundos para uma "missão", para que muitos portugueses evidentemente contribuírem com os seus donativos, acho eu que alguns decotes apresentados por essas senhoras ajuda a contribuir para mais chamadas telefónicas, mais uma missão, é por uma boa causa pois obrigado!
Nas galas de Natal não faltam os melhores artistas de Portugal, cantam em playback e levam umas garotas com vestidos bem curtos, ora não estivéssemos em contenção de despesas. No fim, a entrevista ao grande cantor ou cantora, depois de um palyback magnifico em que os lábios estavam sincronizados com a musica.. dissertam sobre a cantiga e a pobreza em Portugal, e dizem com a lágrima nos olhos: "Estou sempre disponível para esta causa, a minha missão no Natal é ajudar quem mais precisa" e depois de mais uma pergunta dizem: " Vou ter um disco novo, já já para o principio do Ano, e este que já saiu é uma excelente prenda de Natal", (passem um bom Natal, mas comprem a merda do meu CD para juntar aos muitos que já lancei e que me deram para comprar um par de vivendas e um Mercedes topo de gama...) no fim, juntam-se aos convidados numa party pós-concerto de Natal, com as bailarinas, artistas e socialités. Com decotes deslumbrantes, mostrando porque razão a silicone é moda seja onde for, mas mesmo depois disto fico convencido que isto é por uma boa causa, e que os pobres continuam na rua e outros cada vez mais miseráveis, mas pergunto-me como seria a vida sem estas galas? será que existia menos solidariedade ou havia menos hipocrisia?

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

sábado, 11 de dezembro de 2010

No dia em que o nosso presidente acordou e comeu toucinho de porco preto

É Natal, sabemos, está frio e as focas correm perigo de extinção, isso também sei, e fico entusiasmado com a ideia que o nosso Presidente da Republica já faz como muitos alentejanos antes de ir para a jorna, ou seja, bebe um bagacinho enjum e come pão com toucinho lá para o meio da manhã, mesmo daquele toucinho que fica a escorrer pelas mãos e com uma faquinha ponte-aguda da mão esquerda, mas não é isso que ia falar, apesar que era bom ele iniciar-se nestas praticas milenares, para saber come é que é! Mas finalmente acordou ao lado da sua Maria, passa a mão pela cara e acende a televisão na TVI, abre as janelas de par em par, a brisa do Tejo e o sol matinal lhe resplandeceu o rosto.. e pensa nisto: “Envergonha-nos a todos saber que há portugueses com fome”, Vou já comunicar isto aos portugueses! No fundo saiu da redoma onde estava preso e começou a falar a falar, a sussurrar aos poucos a realidade em que o país vive, são devaneios e reminiscências de quem é Presidente e candidato, vê tudo mais claro, clarinho como as aguas do Tejo onde as tainhas se vão alimentar. Sim! é Natal e está frio, será utópico abrir umas páginas no jornal do costume, em sonhos, ou talvez não, um dia ainda hei de ver o Sócrates a dizer que estamos em crise, e também há fome em Portugal... isso era sonhar alto, mas é Natal, e está frio, mas tenho esperança...

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Tradições Seculares IV


obra em paint do microsofte, feita à pressão com destria no mouse em 5 minutos 
Tomei a liberdade de publicar mais um post antigo do extinto blogue "A Taberna dos Caloteiros" para desanuviar e pensar na bonita tradição que temos, o raminho atrás da orelha, que já não vejo há muito tempo e que me traz profunda nostalgia e comichão nas partes baixas.

Existe algo que me deixa intrigado, cada vez mais somos público da mais variada publicidade, novos produtos como perfumes, after shaves etc. São sinais dos tempos, até dos proprios metrosexuais já se impõem na sociedade moderna aos poucos. Poucas tradições aguentam, caso disso, é o belo do raminho atrás da orelha. Dantes via muito, e agora só no banco dos reformados, por isso ha que defender esta causa. Juntem-se no movimento para o raminho aromático.
Iniciem esta prática passada de geração em geração, porque não há nada como o aroma natural do poejinho quando viemos do cogumelo!!
Como?
Para quem anda mais desatento, isto tem as suas regras:
- O raminho têm até 15 centímetros, variando da planta em questão.
- O poejo, alecrim são muito cumuns, apesar de ja ter visto hortelã e erva cidreira.
- A orelha (por norma a ser usada) é a esquerda. A direita fica livre pró cigarrinho.
- Tomar nota a alergias variadas provocados por certo tipo de ramos.
- Atenção ao "encaixe" do ramo, tal não se pode soltar com o vento, cabeçadas etc.
- Há quem use alguns de reserva no bolso, caso o usado estar extremamente murcho.
- Não cair no ridículo de ter um ramo de 20 centímetros, isso é só para homens já batidos no assunto e com larga experiência nesta arte.
- não usar um raminho de cada lado, se chegar a casa a sua mulher pode pensar que vc já sabe que é cabrão, em casos específicos claro.
- Não substituir o agradavel aroma do raminho pelo belo do banho com sabão azul, a higiene acima de tudo!
- Não misturar o raminho com bebidas alcoolicas, existe o perigo de esgasgamento das vias respiratórias.
- Evitar a todo custo a mistura com after shave e bagaço que fica a escorrer nos cantos da boca, quanto muito um pouco de vinho para realçar as essencias do poejo e do alecrim.
- Não usar o raminho usado na confecção de alimentos, simplesmente porque é porco.


Que os nossos filhos e netos continuem esta tradição, não vamos deixar morrer esta arte milenar, vamos dar as mãos e trabalhar juntos em prol do raminho atrás da orelha!!!

Eu estava belo na minha vida a fazer perguntas destas

Porque razão os hipopótamos são vesgos na Tailândia e os pregadores protestantes só fazem sexo à 5ª feira? E qual é o motivo pelo qual, mal abro a tvi24 só vejo ignorantes, debochados e gagos?

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Tadições Seculares III Tipos de Homens que vao às Tabernas/Cafés (incluindo eu!)

Não sou muito frequentador de cafés nem tabernas, mas a observação de estereótipos sempre foi uma coisa em mim que me fascinou profundamente, ir à taberna reflexa o melhor de uma sociedade castiça que bem temos, e há que estimar estes atributos genuinamente portugueses, como encostar a palma da mão no wc quando vamos ao urinol, ou encostarmos-nos ao balcão do café firmes só com um pé (habilidade conseguida a muito custo!), são coisas importantes que não podemos perder. Em seguida tipos de homens que vão às tabernas:


O LEITOR: O leitor é tipo aquele amigo que vai ao café ou à sociedade, traz sempre o dinheiro contado que a sua mulher criteriosamente lhe deu, consome uma água das pedras e quanto muito um café com um bagacinho, traz normalmente os amendoins de casa e fala pouco com os outros clientes, o leitor normalmente tem uma boa reforma e esmiúça todos os jornais, é sempre o primeiro a saber das noticias e pontualmente à hora do almoço vai para casa sem se despedir de ninguém, mais uma coisa, paga logo assim que lhe aviam a agua.

Tempo de estadia: entre 5 a 8 horas                  Consumo: Entre 70 centimos e 1,50€

O "À COCA": Este individuo faz parte de qualquer sociedade ou taberna, bebe quase sempre cerveja média ou vinho branco. Come tremoços e amendoins e tudo o que o dono do estabelecimento lhe oferece gratuitamente, mete sempre conversa aos outros clientes, e a sua maior característica é: Quando um cliente vai pagar a despesa ele aproxima-se cerca de 50 cm a ver se lhe pagam alguma bebida. Concorda com os outros clientes, principalmente aos que costumam pagar rodadas, o "à Coca" nunca paga bebidas e é pessoa de poucos estudos, mas é simpático e guarda a casa quando o patrão do café se ausenta para almoçar ou urinar.

Tempo de estadia: entre 3 a 7 horas                  Consumo: 3.00€ a 5.00€

O EMBRIAGADO ANDANTE: Este tipo de cliente visita espontaneamente a taberna, bebe um copo, fala baixinho, mente quantos copos bebeu, traz o dinheiro contado para o copo de vinho e sai pela porta fora à procura da próxima estabelecimento. São homens reformados ou desempregados e não arranjam muita confusão.

Tempo de estadia: entre 2 a 10  minutos                 Consumo: 40 centimos

O BOÉMIO: Esta espécie de cliente é a mais rara de todas, hoje em dia poucos têm posses económicas para pagar aos outros e beber desmesuradamente, este tipo de homens são na sua maioria solteiros e são bons clientes. Se há maquina de bolas e furos da sorte costumam gastar muito dinheiro nessas coisas e quando bebem gostam de falar de politica e futebol, apesar de pouco entenderem desses temas.

Tempo de estadia: entre 3 a 6 horas                Consumo: 5 Euros para cima.

O COXINHO: Há sempre um coxinho em todas as tabernas, ou por acidente de uma caída dum burro ou porque sofre de ácido úrico, há sempre um tipo destes, normalmente simpático e de vez enquanto paga alguma coisinha ao pessoal. Quando anda com uma crises de dores, deixa de beber durante uns tempos retomando a sua prática habitual com uma bebedeira.

Tempo de estadia: entre 3 a 5                               Consumo: média 2,50€

O CALOTEIRO ENVERGONHADO: Este individuo emergiu na clientela das tabernas nos ultimos tempos, principalmente desde que somos governados pelo Sócrates, bebe e raramente paga, diz baixinho ao patrão do café para apontar e segue a sua viagem pelos outros cafés onde detêm uma boa conta.

Tempo de estadia: entre 2 a 10  minutos                 Consumo: Crédito


O TREINADOR DE BANCADA: Quem nunca foi a um café beber um cafezinho à segunda feira quando... gritando do outro lado do balcão vê, um individuo (normalmente de boné) falando do jogo de futebol da noite passada, da mãe do arbitro do dito jogo e que normalmente é do benfica, nunca viram um destes?

Tempo de estadia: entre 1 a 2  horas                 Consumo: 2 euros e um maço de tabaco ventil.

O RABACEIRO: O rabaceiro é de uma originalidade sem precedentes, é homem vivido, reformado e têm sempre dois ou três amigos do mesmo lote na mesma mesa, não trocam um prato de camarão por um pêro ou um marmelo, bebem unicamente vinho e raramente fumam.
Se virem vestígios de casca de marmelo cortados cirurgicamente num cinzeiro, um ou mais rabaceiros estiveram lá.
Tempo de estadia: entre 1 a 2  horas             Consumo: uma garrafa de vizinho branco para três e uns palitos.

E tenho dito.

domingo, 5 de dezembro de 2010

Tradições Seculares II Tipos de Mulheres que vão aos bailes


" e agora quem dá mais??? 25 uma, 25 duas, 25 três!!! Vai para o Zeca do bairro de Santiago, este belo bolo de chocolate confecionado pela Dona Henriqueta!!!... mais um leilão para a comissão de festas, é a alegria, é o fumo do churrasco, as fitas de coloridas, são os bailes que outra vez falo, desta vez vou caracterizar as mulheres que vão a bailes (ou a "bálhos"), porque não?

1- "A mãe/Sogra" - A mãe, é uma personagem sempre presente em qualquer bailarico, normalmente assume a posição sentada de braços cruzados (não confundir com a posição do budda), fazendo uma marcação cerrada à filha e ao marido, bebe água e baila uma ou duas vezes por noite, vai cedo pra casa levando a sua prole atrás. Costuma reservar com 2 dias de antecedência a mesa do baile, e quando não está na quermesse a vender rifas, come os restos de farturas e as bifanas que os netos não querem mais.

2- "A guardada" - Esta mulher, ou melhor, rapariga, posiciona-se num lugar bem visto no baile, o namorado posiciona-se estratégicamente de lado (mão dada) ou por detrás. Ela dança com a mãe, com o namorado, acontece ocasionalmente ser "liberta" por uma amiga que lhe dá atenção. A "guardada" possui uma aura especial, os homens so olham de trás para ela, o namorado normalmente bebe pouco e boceja frequentemente durante a noite, sapatos de vela são a sua imagem de referencia e polo lacoste.

3- "A ladeada" - Muito cumum ver esta personagem, reparem que está sempre junta a três ou quatro amigos que dançam muito pouco e bebem muito. Acontece que ela está lá mesmo para isso, para se divertir e não lhe chatearem a cabeça, dança quando lhe apetece e não tem problemas com os abutres, é das pessoas que mais se divertem no baile. Tá lá batida todos dias, normalmente este tipo de raparigas não passam dos 25 anos ainda solteiras.

4- "A da Comissão" - Trabalhadora, usa às vezes t-shirt da comissão de festas, jeans e algumas ocasiões cartãozinho pregado na cintura, dança, avia minis e trabalha, é uma figura imprescindível neste tipo de certames. São gordas, magras, altas, baixas, coxas, são a alma da festa!

5- "A maratonista" - Chega no princípio do baile e vai pra casa no fim, dança com tudo o que lhe aparece, veste-se bem e é alegre, exímia na arte do bailarico e simpática pra todos. Normalmente é uma rapariga da terra e joga em casa. Se possui namorado, mal dele, pois mal a vê!

6- " A desgraçada" - Esta personagem, acompanhada sempre do marido (alguns casos leva os filhos e carrinho de bébé), só dança com ele e muitas vezes tem que esperar que o dito se aborreça de beber tanto, quando dança parece arrastada e faz sempre cara de séria parecendo uma vassoura articulada, fala só com senhoras conhecidas e situa-se normalmente na zona das mesas alugadas pela comissão de festas. A desgraçada gosta das festas e de bailes, mas já teve dias melhores.

7- "A solicitada"- é a rainha da festa, dança com poucos, é a mais bonita, mas também é a mais desconhecida, normalmente é uma rapariga que vem passar férias na aldeia pela primeira vez e é solicitada por 60% dos marmanjos (os outros 30% estão mais interessados na Sagres) A solicitada gosta de dar nas vistas e marca presença principalmente no Verão, altura em que a testosterona masculina anda mais elevada e o consumo de alcool é mais abundante.

8- "A Boazona" - Desculpem o termo, mas é o que todos dizem quando ela passa, vestida para enlouquecer, não dá trela a ninguém, nunca passa despercebida e a maralha não se atreve nem a olha-la, vê-se acompanhada por uma amiga ainda melhor do que ela, dança algumas vezes e sabe que é uma atração no baile, vai para um murinho para se sentar e passa a noite a desconcentrar o povo, ela é uma peça fundamental nestas festas!!

Atenção que estas são personagens estereotipadas, havendo por sua vez mulheres bem diferentes, todos que compõem este leque de pessoas, são as que dão vida às nossas belas tradições populares!!

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Olha que há gente com caganeira...

Por muito que as pessoas insistam na ideia utópica de um estado de direito e de liberdade como o nosso  o realmente (jejejeje tou a brincar).. mas por muito que insistam em ideias pragmáticas que não saem do papel, as causas de toda uma luta passada, onde muita gente foi torturada, desaparecida e enterrada. Estas lutas foram vãs? Foram inúteis? Quando vemos patrões com a boca cagada de esterco incentivando os seus camaradas patrões a destruir tudo o que os sindicatos, outras pessoas realmente de esquerda, conseguiram ao longo dos anos, para eles o meu desprezo e para este principalmente que aqui fala a seguir:

Ulrich diz que é "indispensável" liberalizar despedimento individual

O presidente do BPI, Fernando Ulrich, considera “indispensável” a liberalização do despedimento individual. Nas declarações desta manhã de quinta-feira sobre os despedimentos, Ulrich sublinhou a importância da reforma.

Durante um pequeno-almoço, promovido pelo 'Jornal de Negócios', Ulrich reforçou que “esta é a reforma mais importante de todas”, afirmando que não compreende porque é um tabu.
O banqueiro sublinhou que “o despedimento colectivo em Portugal é bastante fácil, ainda que seja um estigma para as empresas, que, por isso, fazem desta a última opção.”
O presidente do BPI deu o exemplo do banco, afirmando que, se o despedimento individual fosse agilizado, dos 7 500 trabalhadores, Ulrich "despediria apenas 10 ou 20 pessoas que em nada contribuem para o todo da instituição."

Ou seja, tu és mau, eu não te gramo, vais pra rua e não me venhas bater à porta porque eu sou um banqueiro, ganho 1 milhão de euros mensais e não me venhas pedir pão, vai ao centro de emprego e pede que te dêem alguma coisa boa, e se não gostarem de ti, vai para o rendimento mínimo ou pra baixo da ponte com a família, porque eu conduzo um Mercedes, tenho uma vivenda e ainda por cima, sou apoiado pelo governo!

Então e não merecia com gato morto há 10 dias nas...???

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Tradições Seculares

desejei recuperar algumas dissecações sobre a vida da aldeia como esta que fiz em tempos...


Eu que sou curioso e observador enquanto não passo da terceira mini, pois é esse o meu limite mais sincero, reflecti e tentei desta maneira dividir os vários tipos de homens que vão a bailes. Pelo que eu me incluo nestes, porque às vezes tou lá caído. Não sei dançar, mas vejo tudo às voltas. Ora bem:
1- O Dançarino – O típico marmanjo que passa a noite a dançar com as primas, manas, conhecidas e inclusivamente as tias, não pára senão para dar uma mijadela de vez enquanto, bebe pouco e veste-se bem para a ocasião.
2- O encostado ao balcão virado para o baile - Bebe pouco, e tem sempre companhia, normalmente não sabe dançar ou a mulher está a dançar com a irmã, vê tudo o que se passa e ri-se dos que tropeçam, normalmente este indivíduo usa camisa aos quadrados e sapato de vela.
3- O encostado ao balcão voltado de costas para o Baile – Este indivíduo já viu o que tinha a ver, quer é beber e só sai do local para urinar, normalmente está sozinho e por vezes quando se aborrece arma confusão.
4- O Marchante – este tipo anda de um lado para o outro, normalmente não fala aos conhecidos, aparece e desaparece, uma vez acompanhado outra vez à procura de engate. È sempre um mistério dentro do Baile.
5- O Engatatão – é o tipo mais versátil, normalmente acompanhado de um amigo mais feio ou gordo. Demora tempos infinitos com a mini na mão e observa todas as mulheres que se movem no espaço do baile, tenta ser discreto sem o ser. Quando os amigos falam com ele acena a cabeça sem estar a ouvir nada.
6- O “encostado” – Aparece espontaneamente e põe-se a falar a ver se lhe pagam alguma coisa, o encostado é tipo camaleão.
7- O “do grupo das mãos nos bolsos” – Junto aos amigos bebe que se farta, não dança e veste-se como se fosse dar um passeio ao modelo, vai bebendo e quando dá por conta está podre de bêbado podendo eventualmente assumir algumas dos tipos anteriormente nomeados.
8- O “encostado à parede” – Muito típico, este não sabe definitivamente dançar, é tímido e amigo dos seus amigos. Normalmente adopta uma postura estilo 4, ou melhor, como uma Garça, observando o panorama, normalmente vai-se deitar cedo.
Há mais, eu sei que há mais, mas pelo menos estes são alguns exemplos daqueles que ainda vão mantendo algo de tão importante na nossa cultura, os bailes de terreiro no Verão...

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

cerca de 2000 anos depois, Jesus volta a ser crucificado em Israel!

Nunca percebi a dimensão da greve geral de hoje, onde de "boca-aberta" fiquei depois dos jogadores e equipa técnica do Benfica, decidirem ser solidários com a causa e recusaram-se objectivamente de jogar futebol. Na cabeça daqueles escravos do trabalho árduo, nunca o sentido democrático foi tão vincado e até eles (neste dia em que parou o país) optaram por dizer não, à politica do nosso governo. Esta foi a parábola que me faltava neste dia... amanha será outro.



Crucificado ficou o treinador J. Jesus em Israel mais uma vez, mas cá para mim este não ressucita de certeza!

terça-feira, 23 de novembro de 2010

de Odemira with Love...



Disponível 24 horas por dia, qual INEM qual carapuças! Este verdadeiro Casanova alentejano acude a qualquer rapariga que tenha interesse em ser namorada, mimada, apaparicada por este homem como deve ser.

domingo, 21 de novembro de 2010

Pensamentos sob o efeito de castanhas cozidas e vinho abafado

Em vez do FMI podia vir a cápsula de salvamento usada no resgate dos mineiros Chilenos para Portugal e tirar dez milhões do buraco. Ou mandar os concorrentes da Casa dos Segredos para uma clínica veterinária e os gatos para o manicómio.

...faça-se já um reality show!

Este País cavou um buraco tão grande que os únicos que vão conseguir viver dentro dele são os 33 mineiros Chilenos e 10 milhões de Portugueses habituados a andar nas covas e a ser...

Depois de ter-se sabido que Carlos Cruz assiste a festas de crianças e nada tem a haver com pedofilia,  prova a sua inocência na internet e vai viver para o FarmVille.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

a NATO e Portugal, Ovos escalfados e entrecosto frito.

Estamos no tempo em que se discute a existência de tudo que faz parte das nossas vidas, da democracia, de Deus e até mesmo se o homem chegou de facto à Lua, ou se tudo não deixou de ser uma encenação de Hollywood. Não pensaram ainda nisto? Epa, porque que existe o FMI e tal, para que serve Cruz Vermelha?? leva mesmo as nossas calças velhas ao pobre que vive no Uganda, será?... andamos sempre a por em causa tudo, porquê isto e porquê aquilo! Agora a cimeira da NATO, nunca ninguém fala da NATO até à própria NATO vir a Portugal, aí os portugueses passam a saber da existência deste organismo, lembram-se da OCDE? hoje já se sabe o que é a OCDE. Para abrilhantar a cimeira, nada melhor que ser inaugurada pelo Sr. Engenheiro José Sócrates 1º ministro de Portugal e recordista das piadas que correm nos emails de todo mundo. Recebeu um arquivo de um amigo em pps? Olha, deve ser do Sócrates, a falar mal do gajo e tal...
Portugal é um país profundamente nostálgico, depois de tantos anos de liberdade contida, começa a ter tiques fascistas, saudades de Salazar e agora recentemente encerra as fronteiras.


Uma coisa que me lembra esta cimeira, e que me traz nostalgia é quando existiam as alfandegas junto à fronteira "aduanas", parava-se o carro, era-se reviscado e finalmente suspiravam os emigrantes de alívio, sinal que estavas prestes a entrar na tua pátria, e hoje surge novamente o encerramento das fronteiras, tipo trazes uns maços de tabaco espanhol e umas alpragatas e ténis de contrafação passas, se trazes umas três pares de t-shirts pretas no banco de trás, não passas! Pertences ao Black Block!! e  de certeza que vais aterrorizar o pais e destruir o tunel do Marquês. Para os perigosos a sério, têm uma melhor opção, ou são caçados para aparecerem no correio da manhã e vêm pelas fronteiras de Ayamonte, Rosal, Elvas ou Vilar formoso ou passam aqui pela Volta Falsa e pelo Bartolo, e muitas milhares de estradas secundárias não vigiadas entre o país Hermano por ai fora, onde qualquer terrorista pode passar com uma ou duas ogivas nucleares. Mas como sabemos que este pais dá-se com a hipocrisia e parvoíce, gosta de montar aparato junto às fronteiras, fica bem e saímos fixes na foto. No fim deste teatro de revista,  esperemos que o Obama venha mais em paz e se tiver oportunidade prove uns pastelinhos de Belém ou umas migas, porque por cá, melhor não hás de levar.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Frango de Caril à João Santos

Em honra do chef João Santos, transmontano e apreciador da cozinha lusa como o foie gras e vol-au-vent aplicado de inúmeras maneiras, sendo este franguinho dedicado à sua cozinha e pelo respeito que tenho por ele.



4 Coxas de frango de boa qualidade, de preferencia fresco.
1 cebola
3 colheres chá pasta de caril
4 dentes de alho
sumo de uma lima
leite de côco 1 latinha
sal e pimenta q.b.
arroz basmati

Esta maneira fácil de comer frango, muito saborosa e com a suavidade que o caril dá à carne, resulta num prato belíssimo. Com um pouco de azeite fritar o frango (previamente temperado com sal e pimenta)até dourar bem nas varias extremidades, depois disso juntar a cebola picada, alho esmagado e sumo de uma lima. Quando a cebola estiver com a consistência desejada colocar 3 colheres de caril em pasta ,e o leite de coco. Mais uns minutinhos até estar tudo envolvido, colocar um copo de água cheio e tapar a frigideira até apurar num molho grosso e delicioso, rectificar de sal. E servir com arroz basmati...

A pasta de caril indiano é o tempero perfeito para todo tipo de carne, bem diferente do caril em pó. Pouco usado pelo chef João Santos que só confeciona cozinha portuguesa.

sábado, 13 de novembro de 2010

Sócrates vai viajar num veleiro à volta do mundo, só (e não é mentira!)

Numa tarde descontraída como hoje, tive um noticia enorme quando pesquisava no google, mentirosos, aldrabas, mosquitos africanos e Sócrates. O que me "advia" de aparecer? Socrates vai dar a volta ao mundo sozinho num veleiro, mas uma boa noticia não vem sem uma má noticia, pensei eu, então porque não levar o Teixeira dos Santos? Mas enganei-me, e como as noticias valem o que valem, afinal não é este Socrates (o nosso) mas sim Jeanne Socrates, uma mulher de 67 anos que vai cometer tamanha proeza. Ainda não é desta... já não se pode ir ao Google.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Um dia depois a normalidade volta à aldeia

Depois dum dia puxadinho, as castanhas salgadinhas e a agua pé tiveram o seu apogeu, entre carvão flamejante e castanhas a tiritar enquanto se conversa disto e daquilo, se bebe mais um copo se e desfruta de mais uma castanha meio queimada, amarelinha como bem gosto. Depois disto tudo, pondero seriamente em deixar de jogar no euromilhões, isto deixa-me excêntrico!

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Camarão Tigre com Caril e Coentros

Se há uma comida que me faz feliz é saborear camarão como manda a lei enquanto ainda importamos, porque lagostim da ribeira não serve para isto. Isto imperiosamente é uma comida para ser degustada a dois!

Meio quilo de camarão tirgre
Caril q.b. em pasta (nos hipermercados já se vê disto, é absolutamente bom)
Coentros picados grosseiramente
4 dentes de alho (nesta receita usei 6, modo de coiso eu sei lá..)
Azeite e Margarina para Culinária.
Piripiri e pimenta em pó.
Alecrim

Numa frigideira juntar um pouco de azeite de boa qualidade com as mesmas partes de margarina para culinária, juntar o camarão, previamente deve levar um corte no lombo para entrar bem o saborzinho, marinar apenas com sal e um pouco de pimenta e um raminho de alecrim. Na frigideira quando os camarões começarem a ganhar côr, juntar os alhos esmagados (façam-no com o punho fechado e pensem em alguém que não gostem, politicos não valem!) os alhos devem se postos nesta altura para não fritarem. depois juntar 3 colheres de café do caril em pasta, juntar um pouco de piripiri e verificar o sal. Apurar até o molho estar consistente. Por fim juntar os coentros e levara para a mesa. Acompanhar com arroz basmati que acompanha belíssimanente com este prato.



Como podeis verificar degustei o camarão com vinho do meu concelho, o "Herdade dos Lagos" 2008, belo tinto, boa pinga. Não é dos mais baratos, mas com este petisco merece uma coisa boa. Saúde!

domingo, 7 de novembro de 2010

Hojé dia de comer tripas à moda do Porto (até us cumemus) com adenda



Não tarda o verdelhuço Hulk vai começar a cair que nem uma universitária depois de 2 shots de ginginha, e pelo que vi hoje na RTPN e SIC Noticias o que eles mereciam era levar mesmo no pescoço, e uma vitoria hoje do Boinfica trazia-me felicidade como comer leitão com vinho barato às tantas.

Adenda: Pois bem que me saberia como comer leitão e sujar as mãos daquele petisco, assim soube a vinagre. Bem azeda a derrota depois de ver o David Luís numa posição completamente amorfica e deslocada. Assim mais valia ter ficado em casa a comer papo secos com marmelada. Ai benfica!

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Foi aprovado o Orçamento de Estado para 2011

Depois deste momento histórico para o país, não sei se hei de ter uma erecção de tanta excitação ou se vou comprar umas cuecas de lata para não ser enrrabado pelo Governo..

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Mal de quem precisa das Urgências (à falta delas) em Mértola

Sempre me orgulhei do meu Concelho de Mértola, por ter uma historia inigualável, ter gente boa e honesta e ser um dos Concelho maiores do pais. Azar daqueles, que de uma forma ou outra precisam de ir às urgências da unidade do Centro de Saúde de Mértola. Azar daqueles que têm febre, precisam de urgentemente ter cuidados simples, e azar daqueles que com demência ou hipocrisia insistem que Mértola tem bons cuidados de Saúde. Ontem, precisei de levar a minha tia que urgentemente precisava de uma simples receita para levantar uns comprimidos na farmácia, à entrada deparei-me com as maquinas das bebidas "Avariada" e dos Snaks "Fora de Serviço" Ora, eu que me tinha esquecido da marmita ou de uma banana enrolada num guardanapo, já estava a adivinhar que iria la passar umas horas longas. Informei-me para surpresa, que não há urgências, faltam médicos e os cuidados são precários, mas quando é que as urgências em Mértola não foram precárias, há quantos anos??! Existem (agora) consultas de substituição, onde o médico de serviço, depois da sua labuta diária atende um numero limitados de utentes até às 18.00h sensivelmente. (das 16:00h às 18.00h) as consultas de substituição são dadas por ordem de chegada, plafond de 8 a 10 pacientes. Mal daqueles que vieram em nono ou em décimo primeiro com febre alta, que tem ordem, seja lá por que for, ir para Beja, Castro Verde ou até Serpa. Portanto, um doente que precisa de ser atendido com alguma celeridade, ou tem a sorte de ser atendido dentro do plafond de 8 utentes por pessoa (das 16:00h às 18:00) terá que ter também a sorte da dor ter vindo mais cedo, aqueles que tiveram febre depois das 18.00h ou que já não arranjaram "vaga" no plafond dos 8 utentes por dia, ou vão para Beja, ou vão ao Granado a ter com o curandeiro. Isto tudo num concelho 1 279,40 km² de área e 9 Freguesias.(obrigado Wikipédia!)

O grave disto, é que toda gente se cala, toda gente não reclama enquanto alguns papagaios insistem na ideia parva que temos uns cuidados excelentes de Saúde em Mértola, acredito que sim, se comparáramos com o Haiti. Mesmo assim, de realçar a simpatia de muitos funcionários e colaboradores do Centro de Saúde que não têm culpa desta situação, nem eles nem os doentes que não tiveram atendimento na tarde de ontem, e dos dias que por ai virão.

Adenda: Na sexta feira a nossa ilustre Ministra da Saúde visita Mértola, faz-me ter uma remniscência de uma manif contra a o estado de saúde em Mértola, no final dos anos 90, sito Beja, quando a Ministra da altura Drª Maria de Belém, se assomou no varandim, foi ovacionada qual Amália Rodrigues, este é o país que temos, este é o país que merecemos.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Eu sei o que não fiz no fim de semana passado....

Fiquei hoje a saber que fui banido dos "fins de semana" em 2010, alias, em todo ano, aviso aos meus mais próximos amigos e conhecidos, que se me verem num sábado ou domingo no Zé Maio a comer um petisco, é pura coincidência!

O Halloween dos Desbochados

Agora uma cara feia para desanuviar
Dos Estados Unidos vêm novas modas, por mais parvas que sejam, a sociadade portuguesa toda a sua historia este e está de pernas abertas para tudo que é novidade, e quanto mais estrangeiro melhor. Voltando à conversa da moda, em tempo de aprovação do Orçamento de Estado 2011, tenho a impressão que estes desbochados da politica andam mas é muto ressabiados para a idade que têm. Deviam era ter vergonha!

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

O verdadeiro homem...


Com o aumento astronomico dos metrosexuais e afins, o conceito homem de barba rija e cheirar a sovaco ao fim de uma partida de sueca está a desmoronar-se. Assisto a isto todos dias e acho que há coisas pelas quais os homens devem-se defender, o poder das mulheres anda aos poucos a dominar o mundo e a todos, meu amigo, se não tiveres nenhum destes seguintes manhas, tem cuidado!


O Homem verdadeiro quando vai a mijar coloca a mão na parede, fazendo um balanço como uma cana de bambu para mictar em estilo.

O Homem verdadeiro quando faz uma partida de futebol ou esta a falar com um conhecido que já não vê ha muito tempo, deve sempre desviar os boxers com aquele movimento do dedo polegar, isto aprende-se com a pratica, tipo, ta tudo bem com ele e continuo inteiro por enquanto.

O Homem genuíno vai a um baile e não dança, fica com os amigos a beber quantas mines pode pagar.

O Homem verdadeiro, seja jardineiro, seja cantoneiro nunca baixa o cu perante os colegas nem ao pé dos patrões.

O Homem como deve ser, só bebe vinho carrascão e quanto muito, bebe vinho branco com gasosa acompanhado de um marmelo oferecido por um amigo.
Um Homem que é homem nunca dá um traque sozinho, não deve ser egoísta, deve-o partilhar com a comunidade de outros homens com gases.

domingo, 24 de outubro de 2010

Porque nunca é tarde para aprender mais qualquer coisinha

Diz o Roto ao Nú...

"Ele dá-se muito bem com o Khadafi, com o Chávez e com outros dirigentes africanos mas não se sente bem no meio dos dirigentes europeus" Comentou Alberto João Jardim sobre Sócrates, deixando no ar a ideia que Portugal se esta a tornar numa ditadura...

 

sábado, 23 de outubro de 2010

Beja Capital do Gourmet e das coisas finas e tal...


Mal de mim falar mal de eventos que promovem a nossa região aos alentejanos e não só, visitei na sexta novamente a Vinipax nesta 4ª Edição e saí com uma sensação clara que houve evolução em termos de marketing e qualidade dos vinhos, apesar do que o "tal" que me passa pela goela, está a anos luz dos que são apresentados na exposição, parabéns ao espaço Olivipax também. Lamentável (sim) ver um evento, financiado por capitais públicos, o caso da Beja Gourmet, que com alguma curiosidade e expectativa visitei,  esbarrei num espaço elitista e onde a alta burguesia de Beja se faz representar em numero bastante numeroso, até me senti mal com o meu vestuário adquirido na Modalfa e sapatos comprados nos ciganos, estava completamente desajustado, tava tipo pelintra ao lado de malta com gafas da prada e camisas de seda, adiante... O preço dos pratos apresentadas na conjuntura em que vivemos ,são  um pecado para a minha carteira, uma desilusão, pior, em tempo de austeridade este tipo de exposições são uma afronta aqueles que trabalham, e descontam parte dos seus impostos que posteriormente são aplicados desta maneira completamente desajustada e ridícula, onde está o objectivo de este evento? Diria que Beja está mais fina e mais luxuosa, veja-se a Beja Wine Night e agora esta Beja Gourmet, para alguns, os outros, a maioria nem pode pagar o vinho que lá se vende, lamentável os preços absurdos deste evento que faz uma nítida distinção de classes. Enfim, Beja a capital do gourmet e das coisas finas...

" pessoal, vamos todos em fila indiana ao Beja Gourmet comer uns belos Bifes de Novilho, não me pisem é os calcanhares!"

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Ainda sobre o (des) Orçamento de Estado 2011 "A grande Caldeirada"

Como veremos neste post, o consumo de vinho vai aumentar para o dobro.

Sobre as confusões do Orçamento de Estado estarei certo de dizer, que não há memória de se falar tanto num documento essencial para a democracia como as batatas para a caldeirada, se não tivéssemos governados por verdadeiros amadores de cozinha, diria que esta mistura de marisco com carne não leva a nada. Nunca me fiei que o Chef Sócrates tivesse jeito para a culinária, mas fazer cataplana com o Passos Coelho dá numas sardinhas em tomate. Mas são estes os verdadeiros culpados deste almoço agridoce que nos apresentam? Não, mas afinal quem os convocou para cozinhar para nós receitas destas que nos põem em apuros? Mas a responsabilidade está dentro da cozinha de todos nós, quando não há dinheiro para comprar Cherne compra-se pescada, em vez de peixe espada compramos uma lata de anchovas e por ai adiante. Agora que pouco se fala na Grécia, onde a comida é mais à base de porco e oregãos com arroz, também se fala na França onde por sua vez trocam a comida requintada por baguetes do lidl com fiambre corrente. O resultado desta confusão dá numa fartura de aumento de impostos, e para aqueles mais atentos toca a comprar leite com chocolate pasteurizado antes que aumente o IVA e fartura de Oleo, compais etc. Há que rechear bem as despensas que a desgraça destas receitas não vão ficar por aqui. Por hoje não deixo nenhuma receita, mas prometo colocar aqui algumas com 6% de IVA nos proximos tempos.

Uma boa noticia (pelo menos) o vinho vai ficar a 6% e não aumenta para 23%, parabens Sr. Ministro! E não digam que não vão daqui!! Pobres mas felizes...hics

domingo, 10 de outubro de 2010

Presas de Porco Ibérico com molho de Queijo Rockefort

O meu amigo chef de cozinha João Santos, em vez de me vir visitar e cozinhar para o camarada, passa a vida a colocar fotos dos seus pratos no facebook. Eu neste blogue sem colestrol, vou pondo algumas receitas enquanto ainda há dinheirinho para comer algo melhor como estas presas de porco ibérico, e um queijo mal cheiroso mas que dá um gosto a este prato divinal.

Acompanhamento, batatinhas coutry

Ingredientes para 4 pessoas

- 1,2 kg de batatinhas novas
- 1,5 colheres (sopa) de azeite
- 1,5 colheres (sopa) de ervas de Provence
- 1,5 colheres (sopa) de especiarias (colorau ou caril em pó)
- 1 colher (café) de alho em pó
- sal & pimenta
- 3 colheres (sopa) de farinha
- óleo para fritar

Preparação

Lavar muito bem as batatinhas sem remover a pele. Secar impecavelmente e cortar em quartos.

Transferir os quartos de batata para uma caixa de plástico com tampa (ou um saco de plástico). Juntar o azeite, as especiarias, as ervas, o alho e pimenta. Fechar a caixa e sacudir muito bem.

Adicionar a farinha previamente peneirada e voltar a fechar a caixa. Sacudir novamente.

Aquecer bastante óleo numa fritadeira. Fritar as batatas sem que estas fiquem coladas umas às outras. Sacudir o cesto de vez em quando, até as batatas ficarem estaladiças e douradas.

Escorrer sobre papel absorvente e temperar com sal fino. Servir de seguida.

e as presas de porco ibérico devem ser fritas com um pouco de margarina vaqueiro, tempreadas com sal e um pouco de pimenta.Para fazer o molho: numa pequena frigideira derreter margarina vaqueiro (ou culinária qualquer) juntar um pouco de quijo roquefort (mais ou menos meia embalagem) e um pouco de leite. Reduzir até ficar o molho grosso, dispor sobre as presas, por um pouco de coentros para dar uma côrzinha ao prato :-)


segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Asinhas de Frango com Courgetes Salteados

Esta receita que vos trago, depois da vitoria de ontem do boifoica sabe mesmo bem, valendo os tostoins que tenho que poupar durante estes meses antes de entrar em pratica o novo Orçamento elaborado pelo gangue do Socrátas. Aforrar latas de sardinha, atum garcias e patês espanhóis ajudam a poupança, ir ao Lidl e comprar tudo que seja enlatado com validade até 2015 onde o nosso IVA já deverá atingir os 30%, é um conselho amigo de mim e dos reformados que estão no banco da praça da minha aldeia, que passam o dia a criticar o ministro sócratas, e aos domingos de eleições votam nele com uma pinta do caraças.

Mas voltando à dita receita económica, ide comprar umas asinhas de frango que custam uns 99 Centimos no Lidl e um saquinho da Maggi que traz um molho excelente que permite cozinhar facilmente frango  muito saboroso. Só basta seguir os passos. À parte façam uns courgetes salteados em azeite virgem temperados com muito alho e sal, uma boa alternativa ao arroz e à batata frita. E no fim acompanhar com vinho tinto de Pias. Tudo ficaria nuns 2,50 € por pessoa, no poupar é que vai o ganho, e enquanto não aparecer nenhum Robin dos Bosques que nos proteja, os sherifes do governo vão cobrar-nos mais tributos e impostos que há de chegar o dia em que voltamos à época mediaval.


domingo, 3 de outubro de 2010

Benfica VS Braga (até us cumemus)


Já estou na fase de roer as unhas e olhar para o relogio porque o glorioso está quase a começar, hoje vou à do Zé Maio!

E aqui fica mais um comovente tributo do Pai do Tózé (www.vitominas.com) ao seu ganda Boifoica!

sábado, 2 de outubro de 2010

Tenho uma estranha sensação que há por ai muito pantomineiro

Hoje de manhã depois de comer meia torrada com café de chocolatera, e ver os títulos dos jornais na SIC, fiquei com o sentimento que o nosso primeiro ministro não é nenhum mentiroso, os portugueses que nele acreditam é que são crentes compulsivos.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Desculpem lá uma coisinha "sobre" o Praça da Republica

Decidi hoje remover dos links de blogues interessantes este conhecido blogue do distrito, onde há tempos parecia bem interessante (e não estou a mentir), depressa se manifestou num destilar de veneno constante sobre assuntos de natureza politica, ora aparecem fotos eróticas a preto e branco, ora aparecem parvidades e teorias da conspiração onde o polvo (não o paul) é o PCP, o Ex- Presidente da Câmara de Beja Dr. Francisco Santos (apesar de não aparecer em fotos sensuais) quase todas as semanas lá aprece com a língua de fora, isto tudo idealizado por um senhor que pelos vistos é do PSD, sendo ainda daqueles que pensa que os comunistas comem criancinhas ao pequeno almoço em vez de chocapic, e provavelmente acorda com suores frios de madrugada a pensar que o Fidel Castro é presidente da Republica.

domingo, 26 de setembro de 2010

Festival Gastronomico do Grão - Vila Azedo

A simpática localidade de Vila Azedo vai organizar o "Festival Gastronómico do Grão" com tasquinhas, petisco e grão todos dias, deleites que originam uma combinação explosiva lá para os lados de Beja Capital, vai contribuir evidentemente para 10% do aquecimento global segundo alguns estudos divulgados pela universidade independente. Atenção à organização, nada de colocar publicidade nos postes da cidade de Beja e Arredores, pois podem ser retirados segundo as leis da câmara, já ouvi dizer que se tal acontecer, a organização e os participantes deste evento devem manifestar-se "ruidosamente" na Praça da Republica em forma de protesto.   

sábado, 25 de setembro de 2010

Olegário um arbrito com curriculo contra o SLB!!!

Eu  lampião dassss? antes paneleiro que benfiquista! Já não se pode sair com uma camisola encarnada ao fim de semana carago!

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Há dias parvos que só me sai isto


A Republica a "grande porca"

O estado social e a republica é a grande porca onde os maiores aldrabões do país vão mamar até rebentarem as nalgas às custas de quem trabalha e paga impostos, enquanto eles mamam agente arrota os nossos euros e na maioria nem piamos.

Como se toda a economia estivesse arruinada, que não está, o futuro anda incerto que nem um namoro com uma virgem mormon. As atitudes deste governo, irmão gémeo falso dos outros, "the others", PSD´s cujo objectivo nestes últimos tempos das siglas das três palavras  como o PEC, o TGV e agora o FMI, se embebedam numa panóplia de demagogias que só fazem lembrar o inicio da republica quando já nessa altura ninguém se entendia e lidava mal com a democracia. Ou melhor dizendo, e a Drª Manuela Ferreira Leite dar-me-ia a razão, o povo português gosta de andar de rédea curta, faz recentemente 100 anos da jovem republica portuguesa, cujos primeiros passos atribulados sempre foram confusos e mal dados, meia duzia de tiros nas patas até aparecer a ditadura, a fome e a miséria, pior que tudo a degradação do conhecimento além fronteiras, os saudosistas: dizem eles, que devia voltar um Salazar para meter isto tudo na ordem, "oh! acabava logo com a droga e mandava logo matar esses cabrões que roubam os bancos!", é sempre bom saber que ainda há gente que alem de masoquista tem um requintado dom da estupidez retrogada. Basta dizer, que o bom é sempre o que passou, pois uma sardinha para três alem de dietético era gostosamente nutritivo, além do mais a liberdade por ser limitada poupavam os cérebros para mandar os filhos para a mocidade portuguesa ou ganhar uns trocos como bufos, ou os mais espertos agentes da PIDE-DGS. Apesar de muitos estarem amarrados ao sistema, vejo hoje que outros lutaram e conquistaram a democracia livre e moderna como hoje a vemos, o povo português para variar, veio para a rua mas depressa não aproveitou nada disto. O ciclo vicioso da ruim democracia portuguesa começou logo de inicio até aos dias de hoje, com os partidos do costume a variarem os seus governos em mandatos de 4 ou 8 anos, para a malta assim não enjoar muito seja rosa ou laranja, façam umas belas festas e boas falas, e protos! Mas enjoado estou eu de ver a vergonha em que se tornou o estado do pais, a decadência em que isto está, com o desemprego, impostos e que fazem os portugueses na altura de votar? tchan tchan, votam no Sócrates ou num que venha bem parecido ou que saiba usar bem as palavras "olha o gajo tem razão, fala bem!" "Pois aquele é que devia tar lá, tem razão sim senhor!" "Muda a televisão que a conversa deles até da vontade de mijar" pois votam sempre nos mesmos do costume, e quando o problema aperta falam mal dos políticos, pois dizem que são iguais, pois óbvio, nem me lembrava... com tudo isto, a crise de valores instalou-se e por muito que pensemos na retoma, ou que tudo pode melhorar, basta pensar neste assunto, um bom autarca ou bom politico, é aquele que vai a um café e que apesar de bem vestido e calçar um bom sapato paga umas bebidas ao pessoal não é? Afinal que capacidade é aquele que pela sua aparencia é bom para mim, ou como podemos eleger bons políticos quando os "razoavelmente bons" são banidos e os realmente incompetentes sobem ao poder pagando mines, fazendo festas e aparecendo na televisão com bonitas gravatas e risca ao lado? Depois no fim da novela o marido olha para a mulher e diz," filha, é sempre a mesma coisa, a criada casou com o patrão e ficou rica, é tudo fantasia!"

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Frango em Vinho Branco sobre Tostas de Pão Alentejano

1/2 Frango do Campo
Cebolas pequenas e 3 dentes de alho
Meio pimento vermelho
1 embalagem Cogumelos Frescos
toucinho fumado q.b.
lata polpa de tomate
tomilho e pimenta preta, sal, colorau e louro q.b.
caldo de galinha
pão torrado alentejano
1 cenoura
Vinho Branco q.b (para o tempero e para ir bebendo)

Cortar o frando em pedaços generosos e temperar com pimenta, um pouco de sal, colorau e louro. junte um pouco de vinho branco, daquele das tabernas, o aproriado pros rijos, prove um pouco se ta bom e dê um pequeno banho ao frango para marinar uma horita. Depois dissso, numa caçarola ou frigideira daquelas de esmalete, deite um bom azeitinho e refoge o frango até ficar mais ou menos douradinho. Junte as cebolinhas inteiras, polpa de tomate e os pimentos cortados às tiras. Mexer bem, junte meio caldo de galinha e não abuse no sal porque o caldo já traz algum. Tape entretanto a caçarola com uma tampinha propria ou duma panela com a mesma medida, e por fim os cogumelos e regue generosamente com vinho branco, volte a tapar para ir sendo tudo bem confeccionado lentamente durante cerca de uma horita (não tenha pressa) e vigiando o frango a modos que não cole à frigideira. Por fim de tudo, o molhinho bem grossinho, disponha sobre umas tostas de pão alentejano bem fino e torrado, em alternativa fazer pão torrado em azeite e ir ao forno tambem não é nada mau. Por cima uma cenoura ralada dá um toque alaranjado e apetitoso.



Bom apetite, cheguem-lhe em forte neste prato fácil de fazer e que puxa para beber com vinho tinto do bom.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Deus no Ceu Rajini Kanth na Terra, ou melhor, em Rumpalah...



Estou um pouco revoltado com a televisão: ou levo com o processo casa pia ( o que demonstra afinal os arguidos também são vitimas e são "abusados" pela justiça, ou levamos com o Sócrates que não gosta do Passos Coelho ( que ainda por cima foram amigos que nas suas jovens idades jogavam ao quarto escuro) e vice-versa, acho chato, e o Disney Kids é uma xáxa. Narutos, Rucas e Hello Kittis?? No meu tempo via-se porrada a sério com o Coyote a fugir atrás do mic-mic e levar com bigornas, ou o Popeye que afundava navios com um simples jantar de espinafres enlatados, se visse o noddy quando era catraio poderia ter sido antiheterosexualassexuado. Os heróis de hoje são gatinhas com laços na cabeça e Rucas (rapaz já careca  e nem sequer já chegou à adolescência imagine-se!) poupem-me, ponham os olhos nestes indianos que com um orçamento de uma grade de médias fazem um filme de encher a vista a essas porcarias que passam na TVI nos Sábados à tarde.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

O saber não ocupa lugar, vem aqui que aprendes!

 Decidi recuparar este post que fiz em tempos para a taberna dos caloteiros, um clássico...

Quem nunca ouviu estas pérolas que saem da boca de qualquer trolha que se preze? O que passamos a seguir são algumas frases clássicas desta sabedoria que pertence a um grupo resticto da nossa sociedade. Isto não é espontâneo, são bem estudadas!!
Porque o saber não ocupa lugar, passamos a mostrar bons exemplos como se deve seduzir uma mulher (sim, porque elas até gostam) basta tentar, pode ter efeitos secundários, como levar um estalo no focinho (pregada na hora, e então se é inverno ainda doi mais) ou termos o marido dela à nossa procura no dia seguinte. Mas para quem a sorte sorrí, estas frases são fatais.

Frases de engate tipo servente:
-Ó linda, sobe-me à palmeira e lambe-me os cocos...
-Contigo filha, era até ao osso
-Com um cu desses estás convidada para cagar em minha ..casa!!
-A tua mãe só pode ser uma ostra para cuspir uma pérola ...como...tu!!
-Sabias....que te fica muito bem a cara?
-Só queria que fosses uma pastilha elástica para te comer o ....dia.....todo!!
-Tens um cu que parece uma cebola... É de comer e chorar por...mais!
-Oh boa, com um cú desses deves cagar bombons!!
-És como um helicóptero: gira e boa!
-Usas cuecas TMN? É que tens um rabinho que é um mimo!
-Belas pernas! A que horas abrem?
-Ó febra! Junta-te aqui à brasa!
-Ó joia! Anda aqui ao ourives.
-Sabes onde ficava bem essa tua roupa? Toda amarrotada no ...chão...do meu...quarto!
-Acreditas em amor à primeira vista ou tenho que passar por...aqui...mais uma vez?

Atenção para que o engate resulte, é conveniente usar "manga à cava", quico ou boné da casa que vende os materiais de contrução, mini ou média na mão (nada de refrigerantes), se possível com um pálito nos dentes e com a mão encostada à parede (a pose nestes casos é fundamental)

AGORA VAI SER SÓ FACTURAR!! ( aceitam-se sugestões!)

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Achigãs com molho de Limão e Coentros


atenção ao pormenor da faquinha no canto superior direito, é só por causa de modos de coiso e tal...

É sempre um brio cá para mim, enquanto pescador e mentiroso (as vezes) cozinhar a própria caça, estes achiganitos foram pescados na ribeira do carril e souberam pouco bem, souberam... com vinho rosé do mais baratucho e acompanhados de batatinha nova foram um belo petisco para estas tardes que um gajo já só faz é suar e mudar de camisola.

Achigãs Medios
Acompanhar:
Batatinha nova cozida com pele, nas mesma àgua da cozedura uns oregãos dão muito aroma.
saladinha de tomate e alface.

Molho para os achegãs. (original à jaquim)
numa frigideira derreter margarina para culinária com parte igual de azeite virgem. Depois de derretida a margarina, juntar 3 ou 4 dentes de alho laminados, cerca de três minutos em lume brando, por fim juntar um molhinho de coentros picados grosseiramente e um sumo de um ou dois limões.

Experimentai o mesmo molho com um outro peixe do rio grelhado e verão um óptimo resultado também.

sábado, 4 de setembro de 2010

Teorias da Gravititividade

Coincidência ou não, facto é que, quando um indivíduo casa, tempos depois manifesta-se um vulto saliente debaixo do peito com características bem definidas e originais, fazendo inveja a qualquer mulher que deseja desesperadamente ter um filho. Deixem-me ser sincero, mas desde que pensei em casar, que a minha barriga só de pensar em tal, começou a desenvolver-se quase como que por magía. Há quem defenda que isso é da cerveja, mas cá pra mim há algo que tem a ver com o subconsciente masculino. Aquele que casa - a barriga cresce. Já na rua, evito olhar para tantas mulheres ... é que a barriguinha já de automático dá sinais de desenvolvimento. Não é que as mulheres tenham culpa, mas há teses que devem ser desenvolvidas, se há cientistas a estudar o impacto da mosca equatorial nas ervas rasteiras, porque não desenvolvem a tese do homem pançudo depois do matrimónio? Deixa-me preocupado, casarei ou não casarei? Fico a pensar porque mesmo assim a minha barriguinha lá vai ficando redonda (só de as ver passar) então se casar qual será o meu perfil depois? Dá que pensar...

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Mexilhões em Tomate



Esta noite marreei uns belos mexilhões acompanhados de vinho branco navegante. Ai não! João Santos esta é para ti que dizes que só faço cozinha internacional, foi-gras tras na mão!

Ingredientes:

1Kg mexilhões
1 tomate grande
1/2 cebola
3 dentes de alho
3 c. sopa vinho
Azeite Virgem qb
Sal qb
Pimenta qb

Coentros qb

Começar por lavar muito bem os mexilhões e retirar todas as "barbas".
Num tacho ou wok, colocar a refogar em azeite, a cebola e o tomate, colocando só depois o alho para não queimar. De seguida refrescar com o vinho e adicionar os mexilhões. Temperar de sal, pimenta e salsa. Tapar e deixar cozinhar até que estes abram.
Dispor numa travessa ou prato de servir e regar com o molho de tomate. Ou numa frigideira como o primo jaquim...
Recomendo que tenham qualquer tipo de pão para poderem aproveitar e molhar na calda que fica muito saborosa!

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

As coisas dificeis mais parvas do mundo!


Entrando quase no mês de Setembro, dou comigo a pensar em coisas tão futeis como um chupa chups. Se as minis são boas, nesta temporada passada diminui o consumo e aumentei os minutos de sono quando me permitem fazer sestas à espanhola, até agora contabilizei 3 sestas neste Verão, o que dá cerca de 4 horas e meia, menos 13 minis. Ha coisas parvas na vida e há coisas parvas dificeis de concretizar que me apeteceu postar aqui como:

1- Abrir um chupa-chups sem ajuda dos dentes, ou pior, aqueles do LIDL sem ajuda de uma rebarbadora.
2- Acordar de manhã e na hora do xixi manter a trajectoria certa de modos que acerte na sanita sem bater nos lados, muito dificil.
3- Ouvir a Júlia Pinheiro 3 minutos sem indícios de náuseas, ou o Goucha (esse 5 minutos ainda aguento)
4- Rir das piadas do Malato sem pensar nas fotos de Madrid, não consigo
5- Ver o Benfica e não roer as unhas. Eu faço tudo pelo Benfica.
6- Cortar as unhas dos pés com a mão esquerda sem que isso não me provoque tonturas e flatulências.
7- Ir ao MacDrive comprar um BigMac e não comer pelo menos duas ou tres batatas fritas, muito complicado e se há semaforos pior é o sacrificio.
8- Ter coragem de dizer à pessoa que estamos a falar, que tem um macaco com pernas e tudo na ponta do nariz.
9- Comer paio alentejano, persunto e queijo de ovelha sem pensar em vinho tinto.
10- Falar da crise e do casamento gay sem falar do Sócrates.

domingo, 22 de agosto de 2010

Abre a Caça a Rola



Para os caçadores e aficionados das rolas e das rolinhas, abre hoje a caça oficial, se bem que muitas rolas por ai andam "à voa" e à toa, já há muito que foram caçadas e fugiram de seus poleiros.

Venham lá amigos caçadores não dêem muitos tiros, pois o cartuxo ta caro e de modos que quanto mais atiram menos apontaria têm.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Arrancam hoje a festas de Corte do Pinto 2010

Festas de N.ª Sr.ª da Conceição em Corte do Pinto

A freguesia de Corte do Pinto, no concelho de Mértola, vai estar em festa até domingo, 15, com as tradicionais celebrações em honra de Nossa Senhora da Conceição.
   As festividades arrancaram na quinta-feira, 12 Com destaque para o Baile com Alvaro Fabião e actuação do Grupo Coral da Mina de S. Domingos, na sexta os "Chave D´Ouro" procuram o pai da criança na corte do Pinto seguido de baile com Nuno Ropio, e este sábado, 14 tem lugar a actuação da artista JOANA e baile com Ricardo Jacinto.
As festas em Corte do Pinto terminam domingo, 15, tem lugar a procissão às 18 horas  e a música de Trio Setúbal (22h00) e Grupo Charneca (23h00).



segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Olho cabrão do calor!

Mais maluqueira, menos maluqueira, com tanto calor um gajo anda cá mais parvo das ideias que uma carocha de patas para o ar. Certo que anda o mundo atordoado e se não fossem as ventoinhas dos marroquinos e os ares acondicionados, estávamos tão esturricados que um assador de sardinhas num restaurante em Monte Gordo. Mais do que isso, até os velhos tão mais parvos e corajosos, por exemplo: antes de ontem um homem com uns setenta anos numa camionete do peixe apitava constantemente atrás de mim, pelos vistos tive a má sorte de andar em Mértola com o mesmo destino dele, olhei pelo espelho e lá estava um calmeirão com um bigode enorme que nem um tigre da Malásia, mas não encostei: Era o que faltava, a ver se ele se acalma mas é!, Continuava aos apitos, parecia que ia numa emergência cega de chegar a casa ou com vontade de ir mijar, ora bem, na bomba de gasolina parei e azar dos azares la estava o individuo todo encarnado e inchado, com uma boina cinzenta, tinha mais pêlos nos braços que as escovas de uma maquina de lavar carros e gritando comigo: "Tós Parvooo??? Sai-mi da frênti!" Percebi que o homem estava com pressa e desesperado, até os cantos da boca espumavam, até que deixei-o passar de vez, três dias passados não sei se o homem estava todo borrado e tinha que ir mudar as cuecas ou é o calor que anda deixando agente aparvalhados.

domingo, 8 de agosto de 2010

sábado, 7 de agosto de 2010

Hoje é dia de Benfica-Porto

Arranca a época oficial com um jogo a pedir minis e camarão. Hoje é dia de só bola, até elas estão com o Benfica também!

Adenda: Apesar da derrota do Slbê, gostei por uns breves segundos o sorriso do João Moutinho "Ganhei ao Benfica, Ganhei ao Benfica!"

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Vitela com laranja e especiarias


Comer muita comida desta, além de ter efeitos extremamente afrodisíacos podes dar contigo a vender ventoinhas e lanternas nos cafés.

Ingredientes para 2 pessoas

- 300 g de carne de vitela (ou de novilho) para guisar, cortada em cubos médios
- 2 laranjas
- 3 dentes de alho esmagados
- 2 colheres (sopa) de azeite
- 1 colher (sopa) de salsa picada
- 1 colher (café) de sementes de cominhos
- 1 colher (chá) de açafrão
- Canela e piri-piri q.b
- 4-5 grãos de pimenta da Jamaica inteiros
- sal & pimenta moída no momento
- caldo de carne q.b.
- Legumes para refogar para juntar ao couscous (um tomate pequeno, courgette e cenoura)

Preparação

Descascar uma laranja, removendo todos as partes brancas amargas; cortar a laranja em meias-luas. Espremer o sumo da laranja restante. Reservar.

Aquecer o azeite num tacho. Juntar os cubos de carne e os alhos esmagados. Deixar saltear até a carne ficar bem dourada de todos os lados, mexendo de vez em quando.
Adicionar as meias-luas de laranja e regar com o sumo. Temperar com sal, pimenta, o açafrão, os cominhos e os grãos de pimenta da Jamaica. Envolver e cobrir com uma tampa. Baixar o lume. Cozinhar por 10 minutos.
Juntar um pouco de caldo e cobrir com a tampa. Cozinhar em lume brando até a carne ficar bem tenra e cozida (+/- 2 horas, dependendo da carne), juntando pequenas quantidades de caldo durante a cozedura para o molho não secar. Rectificar os temperos.

Retirar o tacho do lume e polvilhar com a salsa picada. Servir de seguida, acompanhando com couscous (a preparação do couscous é fácil, basta ler as instruções na embalagem) e os legumes previamente salteados numa frigideira.

Para acompanhar esta iguaria, um belo rosé gelado. Uma sugestão é utilizar borrego em vez de vitela.

Com o seu molho aromático bem apurado, este exótico prato de vitela de inspiração marroquina fica delicioso... Por momentos viajamos até ao Norte de África depois deste repasto bem condimentado.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Arranca dia 4 de Agosto a (meia) Volta a Portugal



Nos Estados Unidos há que pense que Portugal é uma região espanhola, a avaliar pelo mapa da nova volta a Portugal, os europeus pensarão que o Alentejo e Algarve são colónias portuguesas.




Aos organizadores da volta e meia a Portugal: tomem lá um manguito! levem lá a bicicleta que agente fica com o paio e o presunto.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Receita de Burritos Mexicanos

A minha primeira experiência com a comida mexicana não foi muito agradável, há uns anos conheci um amigo mexicano na minha turma de alemão, o Omar de Monterey, depois de alguns conhecimentos feitos com o meu novo camarada do outro lado do atlântico, desafiei-o a fazer algumas receitas , é que estava mesmo curioso, o que se passou foi um autentico desastre! Ele fez a comida tão picante que dois dias depois ainda tinha dificuldade em conduzir com o rabo no banco, suava que nem um cavalo depois de ter bebido umas seis cervejas seguidas, horrivel.

Mas nunca perdi a vontade de experimentar a famosa cozinha mexicana, basta ter os ingredientes próprios, eu pessoalmente faço com tudo o que tenho em casa, mas hoje em dia qualquer superfície comercial vende tortillas e tacos, e os seus molhos que são muito gostosos, vale a pena comprar as tortilhas mais caras, são deliciosas e num jantar a dois ou com amigos é sucesso garantido. A receita de hoje são os burritos, carne picada bem condimentada enrolada por tortilhas de trigo. Já se compra o kit com tudo, depois é só juntar a carne picada como vou explicar à continuação.

1- Alourar (em azeite) 450g de Carne Picada numa frigideira.
2 - Adiciona o tempero para Burritos e um copo de água.
3- Aqueçe as tortilhas. No Forno: Pré-aquece a 180 Cº (Embrulhado em papel de alumínio) 15 Minutos, ou no Micro-Ondas: 1 Minuto, tambe pode ser na frigideira: Alguns segundos em cada lado até dourar.
4- Preencha as tortillas com a carne moída e acrescenta alface, tomate e queijo ralado ou molho de quijo. (boa sugestão, juntar milho cozido)
5- Cobre tudo com o molho original e dobra as tortilhas desta maneira.

 Acompanhamento em belo, um vinho tinto suave de Reguengos ou uma cerveja bem fresca mexicana Corona, bom apetite!